Projeto Semear: Agricultores(as) demonstram união e resiliência na colheita da mandioca em Itiúba

45

No dia 28 de maio, ocorreu uma das visitas de acompanhamento do Plano Produtivo do Projeto Semear/ATER Biomas, na comunidade de Morros, próxima à Fazenda Viadinha, no município de Itiúba. Durante a visita a agente de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), Itamara Rosa, encontrou os membros das famílias locais envolvidos na colheita da mandioca, atividade que havia sido interrompida devido ao período de estiagem que afetou a região.

A retomada das chuvas trouxe um alívio significativo para a comunidade, permitindo a revitalização do cultivo de mandioca. Esta cultura é a principal fonte de renda das famílias locais, sendo essencial para a produção de farinha e extração de fécula, produtos destinados tanto ao consumo quanto à comercialização. Além disso, a mandioca é utilizada na produção de ração (feno e silagem) garantindo a alimentação dos animais.

O beneficiamento da mandioca na comunidade de Morros é marcado pela tradição do trabalho coletivo, com mutirões que envolvem todos os moradores, desde a extração da raiz até o processamento final. Esta prática fortalece os laços comunitários e assegura a eficiência no beneficiamento dos produtos.

As visitas técnicas fazem parte das ações do Projeto Semear/ATER Biomas, executado pela Fundação APAEB, com apoio financeiro da Secretaria de Desenvolvimento Rural da Bahia (SDR/BAHIATER). “Estas visitas são fundamentais para monitorar o progresso das atividades produtivas e oferecer suporte técnico necessário às famílias”, destacou Itamara.

A expectativa é que a produção de mandioca recupere seu ritmo, assegurando a continuidade da principal fonte de sustento da comunidade e reforçando a importância da assistência técnica e do apoio para o desenvolvimento rural sustentável.